This Page

has been moved to new address

Onde Você Guarda Seu Preconceito?

Sorry for inconvenience...

Redirection provided by Blogger to WordPress Migration Service
Giba Net: Onde Você Guarda Seu Preconceito?

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Onde Você Guarda Seu Preconceito?


A pergunta é simples, mas muitas pessoas se recusam a responder de forma sincera.

Há os que tem preconceito relacionado à cor de pele, à religião, à posição social, a defeitos físicos, por questões políticas, a região de origem ou até mesmo ao país de origem. Já vi preconceito até por questões alimentares, "Olha o carnívoro ali !!!"

O preconceito é um veneno que leva o ser humano a conflitos dos mais diversos, sejam eles conflitos internos, sejam guerras.

Em minha opinião o preconceito está, na maioria dos casos, ligado à falta de conhecimento sobre o alvo de sua ira.

Para ilustrar esta realidade, podemos citar o preconceito contra os mulçumanos, que na grande maioria dos casos, vem de pessoas que não tem a mínima idéia do que é um mulçumano, do que sua doutrina prega e o que levou aquela pessoa a professar esta fé. Outro exemplo religioso é o preconceito em relação ao ateísmo, onde na grande maioria dos casos, o ateu é muito mais humanista que os religiosos, por fazerem o bem pelo bem e não por medo de punições divinas ou em busca de recompensas.

Preconceito religioso, este é o pior, pois todas as doutrinas religiosas em sua origem, pregam o amor universal, então, o porque deste ódio entre as diversas formas de pregar o amor? Com certeza, alguém neste quesito fez o caminho errado em sua trajetória doutrinária.

Um outro exemplo básico é o Satanismo, apedrejado por muitos por adorerem o demônio, mas na realidade, o satanista não acredita na existência de demônios, então o preconceito neste sentido é fruto da mais pura e total ignorância.

Eu não compreendo certos preconceitos, como por exemplo, o racial. Em contato com uma pessoa de outra etinia, nem sua pele, nem a pele da outra pessoa, descolorem, desbotam ou mancham. Se ambas forem feridas, sangram igualmente. Ambas nascem e morrem da mesma maneira, então, não se justifica o preconceito apenas pela pigmentação da pele, seja ela branca, negra, amarela, vermelha, verde ou azul.

O preconceiro regionalista chega a ser irracional, pois a pessoa que nasce em uma região diferente da sua, é exatamente igual a você, apenas foi criada de forma diferente e vivenciou fatos e experiencias diferentes da sua, ou seja, se acaso você tivesse nascido e sido criado no mesmo ambiente, seria igualzinho e não aceitaria este preconceito.

Geralmente estes preconceitos atendem os anseios de uma minoria que se beneficia das desgraças alheias, como aconteceu com os antigos romanos, com os nazistas e com aqueles que nos dias de hoje promovem guerras por questões financeiras e pregam a população que é por motivos éticos, ou ainda aqueles que fundam igrejas com propósitos dos mais diversos, exceto a aproximação com o criador. E sua igreja, ela prega o preconceito? Você concorda com o preconceito ensinado na igreja, já que a própia igreja ensina que todos são filhos de um mesmo Deus e que este Deus é exemplo supremo de amor e sabedoria?

O governo e as instituições de classe parecem não quererem resolver o problema do preconceito, pois quando tomam alguma atitude, sempre nivelam as coisas por baixo, por exemplo, quando os movimentos dos sem terra invadem terras e forçam os assentamentos, deixando depois pessoas sem preparo e sem condições financeiras para se sustentarem até a colheita.

Outro exemplo é a política de cotas para negros nas universidades, quando o correto seria forçar o governo a melhorar o ensino público de base, fazendo com que todos tivessem a melhor educação fundamental possível e que o negro e o índio entrassem na universidade, competindo de igual para igual com qualquer outra etinia, o que lhe traria a sensação de vitória por competencia e não a sensação de vitória por ser um excluido, um minoritário, um marginalizado.

Os Skinheads se unem em grupos e saem às ruas em busca de gays e nordestinos, afim de agredi-los. E eu fico em dúvida se os pais destes jovens não percebem o comportamento dos filhos, ou se percebem, porque não fazem nada para impedir que se tornem estes marginais.

A homofobia é mais um dos preconceitos sem base sustentável, pois o cidadão que é homosexual está no direito de fazer com seu corpo o que quiser, de se relacionar com quem quiser e também tem o direito imputável de ser feliz. Os homosexuais não forçam ninguém a gostar deles e a única coisa que querem é viver em paz, como qualquer outro cidadão.

Há também o preconceito em relação à mulher, à criança, entre outros que comentarei em um artigo futuro.

Temos em nossa sociedade os mais diversos tipos de manifestações preconceituosas que não trazem benefício a ninguém e muitas vezes este preconceito está enraizado também no seio da família.

Os menos atentos acabam comprando a idéia do preconceito e disparando uma onda de atitudes nada louváveis.

E você? Onde guarda seu preconceito? Quais os propósitos a que ele serve? A quem ele beneficia? Quanto vale a pena o sofrimento trazido pelo rancor e angustia que este sentimento preconceituoso lhe tráz a alma?

Quero saber o que você pensa a respeito, deixe seu comentário.

Um grande abraço

Giba

Marcadores: ,

5 Comentários:

Às 17 de novembro de 2010 22:02 , Blogger Mi reabilite disse...

Guardo meu preconceito até ter que enfrento, as vezes é bem dificil, não desce legal. Outras é mais simples conviver com o diferente do q eu imaginava. É normal ter preconceito, mas de modo algum vale ser desrespeitoso, enfrentar é melhor que evitar conhecer o não conhecido!]

Bjoss
Mi

 
Às 18 de novembro de 2010 00:14 , Anonymous Guilherme Freitas disse...

Preconceito para mim é sinônimo de ignorância. Quando você aprende mais e conhece mais pessoas, tem menos preconceitos. Abraços.

 
Às 18 de novembro de 2010 09:04 , Anonymous Rose disse...

Não me importa a raça, o que me faz ter um preconceito é muito mais a atitude da pessoa ou de um grupo em geral, a postura, os limites que aquela pessoa tem, pois tem pessoas de várias raças que não são dignas nem de serem chamadas de humanos, é isso que ninguém pensa, tá certo que algumas pessoas realmente tem preconceito quanto a raça, mas vai dizer que você não nutre uma raiva ou tem um conceito formado com algum tipo de gente?

por exemplo.... motoqueiro (porque fazem tanta lambança no trânsito), mas será que todos são assim? você não tem amigos ou parentes que tem motos? eles não fazem esse tipo de coisa?! será que todos do grupo realmente são da mesma maneira? tenho certeza que os que vocês conhecem não são, afinal são seus amigos. Mas é sério, vai dizer que vocês não tem conceito formado com relação a isso? a um grupo como políticos, policiais, "filhinhos de papai", gordos, loiras, homosexuais, afinal se um, dois ou alguns são da maneira que você não gosta ou repudia, então todos automaticamente são do mesmo tipo, é o pensamento de qualquer ser humano.
Estou apenas dando exemplos, mas é a realidade, acho que seria hipocrisia dar outro tipo de opinião.
Valeu o post amigo Giba, grande abraço e gostei da sua volta, fazia tempo que vc não postava, rs
Rose*

 
Às 18 de novembro de 2010 09:29 , Blogger Giba disse...

Rose, para falar a verdade, tenho muito preconceito em relação aos grupos marginais, ladrões, traficantes e assim por diante.
Não me convense aquele discurso que a pobreza e falta de oportunidade levam a pesoa a este tipo de conduta, pois conheço pobres que são honestos e filhos da classe média que são desonestos.
Mas eu não podia deixar de cutucar a ferida do preconceito, pois a maior parte deles não tem motivo palpável.
Um grande abraço
Giba

 
Às 19 de novembro de 2010 20:38 , Blogger RÁDIO WEB BLOG disse...

Não há como esconder, cada um de nós temos mesmo que pouquinho o tal do preconceito,
é da própria natureza humana vindo lá do Hedem, a tendência pecaminosa, parece que está empreguinado em nosso DNA,
valeu pela postagem, excelente tema,
abçs MARIVAN

 

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem vindo

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial